IDEMA realizará Audiência Pública para licenciamento de eólicas em Tibau e Grossos

Reprodução

No dia 07 de outubro ocorrerá a primeira audiência pública remota do Rio Grande do Norte para apresentação do Estudo e Relatório de Impacto Ambiental (EIA/RIMA) do projeto da Central Eólica Santa Fé I e Central Eólica Santa Terezinha, localizados nos municípios de Grossos e Tibau (RN), como parte do Licenciamento Prévio ao IDEMA (Instituto de Desenvolvimento Sustentável e Meio Ambiente). A audiência será realizada de forma remota através da plataforma virtual Google Meet e com transmissão on-line no canal “IDEMA Socioambiental”, a partir das 9h da manhã.

Devido à pandemia do novo coronavírus, a audiência pública, antes prevista para acontecer presencialmente no mês abril, precisou se adaptar ao novo contexto e seguir protocolos de segurança para prevenção da Covid-19. O evento tem por finalidade expor aos interessados o conteúdo do estudo ambiental, eliminar dúvidas e recolher dos presentes as críticas e sugestões a respeito do estudo de viabilização das usinas eólicas. 

A participação é aberta aos moradores de Grossos e Tibau, mediante acesso ao Google Meet pelo link: meet.google.com/kyx-mpuv-cjr ou pelo YouTube no link: www.youtube.com/user/IDEMASOCIOAMBIENTAL com espaço para perguntas e comentários.

Para ter acesso ao estudo basta clicar neste link: http://sistemas.idema.rn.gov.br/rimas/rimas.asp e buscar por Tibau e Grossos na tabela. O documento é de domínio público. O estudo atende Resolução do CONAMA nº 01/86 e 09/87, bem como da Resolução CONAMA nº 494/2020.

Centrais Eólicas

A Central Eólica Santa Fé I e Central Eólica Santa Terezinha que compõem o Complexo Eólico Famosa II promoverão a audiência com a participação do Instituto de Desenvolvimento Sustentável e Meio Ambiente (IDEMA) e a empresa de consultoria CSA – Case Soluções Ambientais, responsável pela elaboração do estudo.

O projeto das Centrais prevê o potencial instalado total de 93,5 Megawatts, sendo 65,8 Megawatts para a Central Eólica Santa Fé I, com 19 aerogeradores (torres eólicas), a ser instalada no município de Grossos, e mais 27,7 Megawatts para a Central Eólica Santa Terezinha, com 8 aerogeradores, a ser instalada no município de Tibau. A audiência representa a etapa de obtenção do licenciamento prévio para futura liberação e construção do empreendimento.

As áreas mais próximas do empreendimento são Lagoa do Salsa (Tibau) e Areias Alvas (Grossos), cujos moradores dessas localidades são o público diretamente interessado. Quando instalado, o empreendimento deve contratar até 300 funcionários no pico da obra.

Postar um comentário

0 Comentários