Prorrogada a suspensão de visitas no Sistema Penitenciário do RN

O Governo do Estado, por meio da Secretaria da Administração Penitenciária (Seap), prorrogou até o dia 30 de abril a suspensão das visitas de familiares de internos, o atendimento de advogados, serviços de assistência religiosa, educacional, social e de capelania, em todas as 17 unidades prisionais do RN

A medida preventiva objetiva o enfrentamento do Coronavírus (COVID-19). O combate a pandemia mudou a rotina dos policiais penais e dos cerca de 10 mil internos. Nenhum caso suspeito foi identificado no sistema penal até o momento. A Seap implementou uma série de medidas para prevenir e combater o novo coronavírus.
Nos  acompanhe pelo instagram  clicando aqui @ofachodegrossos
Além de isolar o contato externo nos presídios, foram criados protocolos para uso de equipamentos de proteção, higienização de celas e acompanhamento das equipes de saúde. As 17 unidades do RN recebiam, em média, 30 mil visitas/mês. Em cada presídio, foram separadas celas caso seja necessário o isolamento de internos. 

Os presos, sem acesso a comunicação externa, foram informados da pandemia pelos policias penais e estão colaborando com as medidas de higiene e limpeza. Medidas sanitárias foram reforçadas como a higienização e desinfeção de celas, corredores e áreas de uso comum com água sanitária e desinfetante. O banho de sol dos presos foi estendido e, agora, os colchões também são expostos ao sol.

Policiais penais circulam usando máscaras e foram orientados sobre a higienização das mãos e cuidados com as vestimentas e materiais de trabalho. Em Mossoró a segunda maior cidade do estado, existem duas unidades prisionais gerenciadas pela Seap, A Penitenciária Mário Negócio e a Cadeia Públicas, ambas localizadas na zona rural do município.