quinta-feira, 11 de junho de 2020
Na tarde de ontem (10), o prefeito Mauricinho se reuniu com os vereadores, funcionários da secretaria de saúde, polícia militar e autoridades locais, para decidir as medidas que serão adotadas durante o lockdown em Grossos, que está previsto para começar na próxima quarta-feira (17), com duração de 14 dias.

Ficou sugerido entre os presentes, que a prefeitura deve realizar o fechamento da fronteira do município com Tibau, e os que precisarem passar deverão comprovar necessidade de deslocamento;
Nos acompanhe pelo instagram clicando aqui @ofachodegrossos
Montar uma barreira sanitária na entrada da cidade pela RN-012, próximo a cooperativa, onde as equipes irão abordar os veículos que entrarão na cidade, e realizarão uma entrevista com aferição da temperatura nos caminhoneiros que estiverem vindo fazer o carregamento de sal;
Os pequenos comércios devem vender apenas por delivery com horários estabelecidos. O cliente ficará proibido de esperar no local;

Na segunda-feira um carro de som irá passar pelas ruas comunicando a população sobre as medidas adotadas;

Taxistas continuarão fazendo a linha entre Grossos e Mossoró, desde que os passageiros comprovem a necessidade de se deslocar a cidade vizinha, e aguardem o táxi em casa;

As empresas receberão um ofício sobre as normas que deverão cumprir;

O município receberá reforço policial para fiscalizar as ruas e impedir a circulação de pessoas sem necessidades;

Será feito uma pesquisa para a aquisição de testes rápidos de covid-19, a modo que todos os suspeitos possam realizar o exame, com o objetivo de controlar a situação.