quarta-feira, 1 de abril de 2020
O encontro aconteceu nesta quarta-feira (1º), na Secretaria Municipal de Saúde onde foram definidas medidas para o funcionamento do Porto Ilha após a Prefeitura de Areia Branca ter conseguido liminar favorável na Justiça Federal a fim de que a Companhia Docas do Rio Grande do Norte – Codern apresentasse ações para o controle e prevenção do COVID-19 no terminal Luis Fausto de Medeiros.

Durante a reunião, foram apresentadas medidas preventivas de embarque e desembarque e de transporte dos marítimos como também ancoragem de navios. O Porto Ilha também realizou adequações como, por exemplo, no alojamento de tripulantes, mudança no refeitório e, a partir de agora, os trabalhadores passam a ser acompanhados por uma enfermeira presente diariamente no local.
Nos  acompanhe pelo instagram  clicando aqui @ofachodegrossos
Estiveram presentes na reunião as equipes de vigilâncias Epidemiológica e Sanitária do município, juntamente com a coordenação do Hospital Sara Kubitschek, o superintendente da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) Francisco Gelandio, os técnicos da agência Joselito de Lula e João Carlos e o gerente do Terminal Salineiro de Areia Branca, Roberto Santoyo. A Prefeitura de Areia Branca foi representada pelos profissionais da Secretaria de Saúde Lorena Ribeiro, Virgílio Amaral, Ivanoska Vale, Nael Gomes e Nericivan Silva.