sábado, 8 de fevereiro de 2020
Erasmo Carlos
Meus amigos,

Desde algum tempo tenho assistido calma e passivamente as manifestações e o posicionamento de algumas pessoas que se arvoram a falar e defender ideias em meu nome, inclusive chegando a atingir a honra e a moral de pessoas as quais eu respeito e quero bem.

Pela primeira vez venho a público declarar: não autorizei e não avalizei nenhum discurso, nenhum gesto, nenhuma ação que venha ferir meus amigos e conterrâneos, quer sejam adversários políticos, quer sejam meus correligionários. Todos que me conhecem sabem do profundo respeito e consideração que tenho, mesmo com as divergências políticas que se apresentam como naturais do processo eleitoral democrático.

Quero também deixar claro que não assumi nenhum compromisso político que envolva divisão de cargos, de contratos ou quaisquer outras promessas ou parcerias que venham a comprometer o futuro governo ao qual estou me propondo a disputar como pré-candidato a prefeito municipal.

Especificamente quando o senhor Lenke emite opiniões por meio de áudios divulgados em aplicativos nas redes sociais, o faz por livre e espontânea vontade, fato que não reflete de forma alguma minha opinião pessoal. Deve-se entender que quando ele assim o faz, por ser maior de idade e devidamente emancipado, não posso ser responsabilizado por suas ações.

Considere inclusive que por mais de uma vez o desautorizei a falar em meu nome, pois reiteradas vezes tem me prejudicado.

Assim, mesmo não sendo responsável, quero me desculpar e me solidarizar com as pessoas que eventualmente se sintam atingidos pelos malfadados vídeos ou áudios que supostamente são atribuídos a mim como mentor ou avalizador dessas ações.

Fiquem na Paz.

Cordialmente,
Erasmo Carlos.