quarta-feira, 29 de novembro de 2017
Prédio da Prefeitura de Grossos / Foto: Misael Alcântara
O Ministério Público do Rio Grande do Norte (MPRN) e a Prefeitura de Grossos, cidade da região Oeste potiguar, firmaram Termo de Ajustamento de Conduta (TAC) para regulamentar a vigilância sanitária municipal. Pelo acordado, a Prefeitura deverá realizar concurso público para preencher o quadro de pessoal da vigilância sanitária.

A Prefeitura tem 60 dias para encaminhar à Câmara de Vereadores projeto de lei referente ao Código Sanitário Municipal regulamentando, inclusive, a cobrança de taxas e multas, bem como a cobrança de preços públicos e o exercício do poder de polícia.

O Município também tem 60 dias para enviar projeto de lei à Câmara para fazer a estruturação organizacional da vigilância sanitária, inclusive criando cargos que devem ser preenchidos por meio de concurso público, excetuando-se os de direção, chefia e assessoramento.

Para cumprir o que foi acordado, a Prefeitura fica obrigada a observar as orientações contidas no Guia para Implantação da Vigilância Sanitária Municipal elaborado pela Subcoordenadoria de Vigilância Sanitária do Rio Grande do Norte (Suvisa).

Caso descumpra o que foi firmado, a Prefeitura receberá multa mensal de R$ 10 mil, que será revertida para o Fundo Municipal de Saúde

Veja aqui a íntegra do TAC.


Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

EM QUEM VOCÊ VOTARIA PARA O GOVERNO SE A ELEIÇÃO FOSSE HOJE?

CONTATO DO BLOG

Telefone/Whats: (84) 9 8177-6707 Email: Contato@ofachodegrossos.com Facebook:  O Facho de Grossos © 2015 -2017 - O Facho de Grossos...

ASSISTÊNCIA TÉCNICA EM GROSSOS

ASSISTÊNCIA TÉCNICA EM GROSSOS

Acessos

FAN PAGE

PESQUISE AQUI

COLUNISTAS

COLUNISTAS
EMÍLIO OLIVEIRA
O Facho de Grossos 2014. Tecnologia do Blogger.