domingo, 27 de agosto de 2017
Por: Emilio Oliveira
Segundo informações oriundas de fontes que por enquanto não posso revelar, pois se o fizesse seria certamente tachado de louco, o nosso amado Brasil está vivendo como é do conhecimento geral uma espécie de expiação cármica e cósmica. E essa mesma fonte diz ainda que não devemos nos exasperar e nem tampouco nos desesperar achando que não há mais solução para o nosso país pelo simples fato da situação, em todos os sentidos que se possa imaginar, haver chegado ao fundo do poço.

Sempre que sintonizamos qualquer uma das muitas emissoras ou de rádio ou de televisão no Brasil de hoje, infelizmente, nos deparamos com escândalos e mais escândalos. E esse processo de desintegração moral do nosso país é verificado em todos os níveis desde o privado até o público. Todavia, como o interesse maior do nosso sistema econômico capitalista é demonizar o que público e esconder ou até mesmo ignorar a sujeira do privado que, por trás dos bastidores, é bem mais sujo e imoral do que o público. 

Contudo, mesmo com todos esses percalços, ao invés de ficarmos tristes e deprimidos com o que está ocorrendo, essa fonte seguramente diz que deveríamos era agradecer aos céus, nos alegrar e nos sentir felizes, visto ser o Brasil, o primeiro país escolhido numa sequência em que todos os outros igualmente também irão passar por dificuldades parecidas. Ou seja, nós fomos os primeiros sorteados a enfrentar de vez as nossas endêmicas mazelas e isso nos dará uma vantagem no futuro, pois quando estivermos saindo dessa situação de penúria, quase todos os outros países estarão ainda em pleno inferno astral como estamos hoje.

Se formos analisar seriamente a nossa situação em todos os setores da vida brasileira a realidade é desesperadora, podendo-se caracterizar até como periclitante. Senão, vejamos: moralmente, estamos totalmente degradados em quase todos os sentidos; politicamente, estamos num mar de lama; socialmente, ainda estamos divididos em castas; musicalmente, estamos assistindo sem reação o lixo musical idiotizando os nossos jovens; educacionalmente, caminhamos ainda na idade da pedra; tecnologicamente, perdidos e quase sem perspectivas porque, infelizmente, não há investimentos na qualidade da educação em nosso país e a nossa indústria já foi que totalmente desmontada. 

Então, amigos, ante tantos atrasos e descompassos, como se pode acreditar que esse país tão amado de todos nós possa se levantar de seu eterno berço esplêndido e brilhar para um mundo que, estarrecido, assiste a nossa tão flagrante derrocada? Só mesmo forças ocultas e estranhas poderiam se arriscar numa extemporânea previsão dessas, não é mesmo? Todavia, o único setor em que competimos com superioridade com o mundo lá fora é na agricultura. E por quê? Porque, felizmente, num passado não muito distante investimos em pesquisas agropecuárias com a criação da Embrapa, fato que nos colocou no atual patamar de qualidade e produtividade em que estamos hoje. 

Há apenas 45 anos atrás fomos visitados por uma missão da Coréia do Sul que veio ao Brasil com o intuito único de acompanhar a nossa produção de automóveis e saíram daqui impressionados com o adiantamento da nossa indústria automobilística. Só que nós, por não investirmos e nem dispormos de pesquisas nessa área, produzíamos e continuamos a produzir automóveis das tradicionais montadoras de outros países, como: a Chevrolet e a Ford (americanas), a Volkswagen e a Mercedes Benz (alemãs) e hoje já produzimos automóveis de quase todas as montadoras multinacionais. Será que nesse setor de alta tecnologia há alguma montadora brasileira? Não, não há? Mas, há da Corréia do Sul? Há, sim! E por quê?

Pelo simples fato de que eles, os Sul-Coreanos, assim como nós investimos em agricultura que é um setor primário e sem valor agregado da economia, eles investiram em todos os setores de alta tecnologia como o automotivo, a eletroeletrônica e a informática e o resultado é que hoje eles possuem diversas marcas globais como a Hyundai, a Samsung e a LG e nós ainda continuamos bem somente no agrobusiness, porém produzindo alimentos que hoje de forma até depreciativa são chamados de commodities e oscilam muito de valor no mercado internacional porque ainda é altamente influenciado pela OMC-Organização Mundial do Comércio que ainda demonstra exagerada simpatia a interesses predatórios desses países detentores de alta tecnologia em relação aos países periféricos.



Que saída então devemos urgentemente buscar? Investir e investir alto em tecnologia de ponta por que se assim não fizermos iremos amargar sempre lugares desconfortáveis nesse estratégico setor que é fundamental para qualquer país que realmente deseje se desenvolver e competir nesse mercado, onde somente os grandes têm vez e voz. Mas, como podemos fazer isso? Basta saber como os sul-coreanos fizeram. Melhoraram significativamente a qualidade de sua educação em todos os níveis de ensino e buscaram nas suas universidades os melhores alunos nas disciplinas de matemática, física, química, biologia, design e informática, ajudando-os e valorizando perante toda a sociedade o aprendizado desses alunos que eram e ainda são tratados como verdadeiros heróis nacionais. Hoje, passados apenas trinta e cinco anos daquela inteligente mudança de paradigma, os sul-coreanos se encontram numa posição de plena vanguarda tecnológica, já incomodando o Japão, os Estados Unidos e até mesmo a Alemanha. 

Posso até está enganado, mas tudo leva a crer que o problema maior do Brasil é a ausência de patriotismo e de amor de nossa elite pelos interesses maiores do país e de seu povo manipulado e sofrido. E todos nós, de uma maneira geral, somos também culpados porque somos nós com os nossos sagrados votos que elegemos os nossos “supostos representantes”. Por que enfim não votarmos em todos os níveis em pessoas mais antenadas com a atual realidade mundial e que demonstrem iniciativa e coragem para iniciar essas transformações que são fundamentais para construirmos todos juntos uma nação culta, soberana, rica, solidária com o mundo e que não incite e nem acolha dissensões, nem guerras e nem violência de espécie alguma, pois a violência é o atributo maior dos que ainda não aprenderam a desenvolver a harmonia da verdadeira inteligência universal. 

Portanto, amigos, na busca desse tão patriótico sonho, vamos procurar selecionar mais os nossos futuros representantes votando com a nossa consciência e não com os nossos famigerados interesses imediatistas, vamos amar e valorizar como bem maior de todos nós o saber e a cultura, vamos valorizar e elogiar nossos heróis embora que sejam ainda tupiniquins, vamos dividir mais com todos as riquezas produzidas pelo nosso trabalho coletivo, vamos acreditar no nosso pacífico e acolhedor povo, vamos finalmente dar ao mundo um exemplo maior de solidariedade e de trabalho honesto e produtivo, mudando a visão do mundo sobre nós de estarrecido hoje com o criminoso e impatriótico desmonte de nossa indústria e economia - para surpreso amanhã com o nosso desenvolvimento tecnológico, social e econômico.

Ano que vem (2018) vai haver mais uma eleição para a renovação dos mandatos dos políticos a nível estadual e federal e essa é mais uma oportunidade para que testemos o nosso aprendizado com a crise que se agudiza a cada dia que passa e que está levando incerteza, fome e miséria às casas humildes de milhões de brasileiros desempregados que infelizmente estão vivendo de biscates e com o medo e a incerteza funcionando como travesseiro nas incontáveis noites mal dormidas.

Se para construirmos esse sonhado país de amanhã que a maioria de nos deseja e busca já contamos em promessa com a complacência da hierarquia espiritual superior que se diz coadjuvante em todo esse processo, o resto dependerá somente do nosso esforço comum. E se por acaso para a consecução desse objetivo as nossas forças humanas ainda titubearem, que peçamos enfim a Deus que é o poder maior de todo o universo para iluminar a mente e o coração de todos nós brasileiros e brasileiras de boa vontade!...

Emílio. 



Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

CONTATO DO BLOG

Telefone/Whats: (84) 9 8177-6707 Email: Contato@ofachodegrossos.com Facebook:  O Facho de Grossos © 2015 -2017 - O Facho de Grossos...

ASSISTÊNCIA TÉCNICA EM GROSSOS

ASSISTÊNCIA TÉCNICA EM GROSSOS

Acessos

FAN PAGE

COLUNISTAS

COLUNISTAS
EMÍLIO OLIVEIRA

PESQUISE AQUI

O Facho de Grossos 2014. Tecnologia do Blogger.